POLÍCIA PRENDE GRUPO QUE PODE TER CAUSADO PREJUÍZO DE R$ 24 MILHÕES EM EMPRESAS DE TELEFONIA

Um prejuízo de R$ 24 milhões. Este é o dano financeiro que uma quadrilha especializada em furtos de equipamentos de telefonia pode ter causado em várias empresas. Após três meses de investigações a Polícia Civil (PC) prendeu três membros do grupo, de 26, 27 e 32 anos, nesse domingo (31). 

Os suspeitos foram encontrados na estação de uma operadora de telefonia, em Sabará, Região Metropolitana de Belo Horizonte. De acordo com a PC, o grupo pretendia furtar 206 equipamentos avaliados, cada um, em R$2.500, o que causaria um prejuízo à empresa de aproximadamente R$ 500 mil.

“Em contato com a empresa de telefonia, nos foi informado que a soma desse prejuízo pode ultrapassar R$ 24 milhões, entre equipamentos furtados, a reposição desse material e pela necessidade de restabelecimento da transmissão de sinal”, destacou Delegado Wagner Sales, Chefe do 1º Departamento de Polícia Civil.

Segundo as investigações da polícia, o crime funcionava da seguinte forma: o grupo identificava a vítima e, em seguida, contratava caminhões se passando pelas empresas que pretendiam aplicar o golpe. Para não levantar suspeitas, os integrantes da quadrilha usavam uniformes, crachás da empresa e equipamentos de proteção individual e coletiva.

A Polícia Civil ainda informou que o grupo agia em Minas Gerais há mais de dois anos. Em Belo Horizonte, foram aplicados golpes nos bairros Dom Bosco, Glória, Nazaré e Sagrada Família.

Os suspeitos já foram presos anteriormente por furto qualificado. A polícia ainda investiga quem seriam os receptadores dos equipamentos furtados pela quadrilha.

Fonte: Jornal Hoje em Dia