FISICULTURISTA E MAQUIADORA SÃO PRESOS SUSPEITOS DE ADULTERAR ANABOLIZANTES

Um homem de 27 anos e sua namorada, de 24, foram presos nesta segunda-feira (11) suspeitos de produzir anabolizantes adulterados em uma casa que funcionava como laboratório improvisado em Mariana, na região Central de Minas Gerais.

Segundo a Polícia Civil (PCMG), no local foram apreendidas diversas substâncias anabolizantes já embaladas, centenas de frascos vazios próprios para o produto, além de sustâncias para a produção dos anabolizantes adulterados, entre óleos de cozinha coloridos artificialmente, coloríficos, tampas e vedações, alicate recravador para selar frascos, centenas de rótulos e embalagens.

O suspeito, que é fisiculturista, chegou a competir e a vencer concursos próprios de atletas de musculação, como o Mister Brasil. Já a suspeita, que é natural de Viçosa, na Zona da Mata, se identifica como maquiadora profissional.

De acordo com o investigador Luiz Rossi, o homem enviava remessas do produto para todo Brasil, por meio de empresas de transporte. “Ele tinha um laboratório na casa dele para fabricação própria, utilizando óleos vegetais e outras misturas, o suspeito produzia a substância anabolizante”, disse.

Apesar dele fazer a produção de maneira artesanal, nos rótulos dos frascos constava a informação de que o produto era importando da Tailândia. Além disso, o fisiculturista dizia que tal produto tinha um certo princípio ativo, mas era algo inexistente.

O material apreendido será encaminhado para a perícia técnica da PCMG para análise. Segundo o chefe do Departamento Estadual de Combate ao Narcotráfico, Delegado Júlio Wilke, os suspeitos podem responder pelo crimede falsificar, corromper, adulterar ou alterar produto destinado a fins terapêuticos ou medicinais. As investigações vão continuar.

Fonte: Jornal O Tempo