DELEGADO ESTREIA COLUNA NO JORNAL E NO PORTAL O TEMPO

Há 18 anos na Polícia Civil de Minas Gerais e nomeado, há pouco mais de um mês, para o cargo de delegado assistente da chefia da instituição no Estado, Rodrigo Bustamante, 44, assume amanhã uma nova missão: conversar diretamente com o cidadão sobre segurança pública e seus desafios, em sua nova coluna no jornal.

Quinzenalmente – sempre às sextas-feiras –, o policial fará uma análise sobre temas como o combate à violência e o papel dos órgãos públicos para a manutenção da ordem. "Quero abrir a possibilidade do diálogo com o leitor, aproximar a Polícia Civil da população e mostrar que não descansaremos para que o cidadão se sinta seguro", afirmou Bustamante.

Na estreia amanhã, ele vai abordar o papel da Polícia Civil. “Vou falar sobre a Polícia Civil humana, que pode não estar visível para muitos, mas que não descansa e trabalha de forma inteligente. É um trabalho, muitas vezes, lento, mas os resultados são impressionantes”, ressalta.

 

TRAJETÓRIA

Fluminense nascido em Niterói, Bustamante chegou a Minas Gerais em 2002 e atuou por 13 anos como delegado na Zona da Mata, onde comandou operações de combate a crimes como tráfico de drogas, roubo de cargas e homicídios. 

Depois, ele chefiou a Delegacia Regional de Ouro Preto, na região Central. Foi lá que presidiu, em 2015, um dos trabalhos de maior destaque da carreira: o inquérito sobre o rompimento da barragem de Fundão, que deixou 19 mortos em Mariana, na mesma região. “Aquilo, com certeza, foi um crime”, diz o delegado, ao recordar.

Nos anos seguintes, Bustamante chefiou a Divisão Especializada de Combate à Corrupção, Investigação a Fraudes e Crimes contra a Ordem Tributária e o Departamento Estadual de Crimes contra o Patrimônio (Depatri). Antes de assumir o posto como delegado assistente da Chefia da Polícia Civil, ele comandou o 2º Departamento da Polícia Civil, em Contagem, na região metropolitana.

 

ACOMPANHE

A coluna sairá quinzenalmente, às sextas-feiras, no jornal e no portal O TEMPO e no programa Patrulha da Cidade, na rádio Super 91,7 FM, às 18h.

Fonte: Jornal O Tempo